Seus colaboradores não produzem mais como antigamente e você percebeu um aumento na falta de concentração deles? Isso normalmente acontece quando há um ruído constante na empresa ou indústria, deste modo, a poluição sonora é a grande vilã no desempenho da sua equipe.

O que é poluição sonora?

A poluição sonora é um problema que está muito associado ao dia a dia nas grandes cidades. É barulho de veículos nas ruas, trens, aviões, empresas, indústrias, comércios, casas de show, bares e até o mesmo o vizinho entra nesta lista de ruídos que causam incômodo.

Logo, a poluição sonora está ligada a qualquer barulho que possa gerar algum tipo de prejuízo a saúde das pessoas que estão presentes no ambiente ou ao redor dele.

É por este motivo que a Organização Mundial de Saúde estabeleceu níveis limites para a emissão de barulho. A organização ainda afirmou em uma pesquisa que foi realizada em 2016, que existe uma estimativa que cerca de 278 milhões de pessoas no mundo possam ter algum tipo de problema auditivo por conta da poluição sonora.

Leia também Impacto sonoro: Quais problemas ele pode causar?

Dicas

Quais problemas podem surgir?

Além da grande falta de concentração e perda auditiva, a poluição sonora pode causar muitos outros efeitos, um deles é o desenvolvimento de problemas ou doenças cardiovasculares.

Outros efeitos negativos também podem atingir a saúde de qualquer pessoa, inclusive do seu colaborador, como: aumento do nível de colesterol no sangue, dificuldades intelectuais, diminuição do sistema imunológico, infarto, tontura, ansiedade, depressão, estresse crônico e outros.

Em casos onde o nível de ruído chega a passar dos 120 dB(A) e não há o uso de proteção auricular, o sintoma passa a ser dor física e acarreta problemas de saúde para toda a vida.

Leia também: Avaliação acústica: Tudo o que você precisa saber para evitar multas

A obesidade e a poluição sonora

Um estudo feito pelo Dr. Andrei Pyko, por meio do Instituto Karolinska da Suécia, revela que o aumento excessivo de peso pode estar ligado aos efeitos da poluição sonora, principalmente, quando se trata do barulho que é encontrado em meio ao trânsito nas grandes cidades.

Em entrevista à BBC News Brasil, o pesquisador fez a seguinte afirmação: “O barulho do trânsito, por exemplo, pode influenciar funções cardiovasculares e metabólicas por meio de distúrbios do sono e estresse crônico. O sono é um importante moderador da liberação de hormônios, da regulação de açúcares e de funções cardiovasculares. Distúrbios do sono podem afetar as funções imunológicas, influenciar o controle central do apetite e o gasto de energia, bem como aumentar os níveis do hormônio de estresse.”

Como resolver problemas de poluição sonora dentro da sua empresa

A melhor forma de resolver a poluição sonora dentro da sua organização/indústria é realizar um laudo de ruído, que precisa e deve ser realizado por um profissional que seja certificado e trabalhe dentro das normas ABNT vigentes no país.

Caso o laudo acuse um nível excessivo de barulho, é necessário realizar adaptações e modificações no ambiente, garantindo assim, o bem-estar dos seus colaboradores, evitando processos trabalhistas e o pagamento de multas por exceder o limite permitido.

Contato
_gn